Placa Mercosul: preciso trocar a minha?

Tire suas dúvidas sobre a nova placa Mercosul e descubra se você precisa ou não trocar a do seu veículo.

Placa Mercosul: preciso trocar a minha?

Com as mudanças no emplacamento dos veículos, desde o dia 31 de janeiro de 2020 tornou-se obrigatório o uso da placa Mercosul nos carros de todo o país. Mesmo já tendo um tempinho da nova regra, muita gente ainda tem dúvidas sobre o assunto, afinal, estávamos tão acostumados com a placa antiga, não é mesmo? Agora, teremos que entender este novo modelo e suas regrinhas. Mas olha, nem precisa se preocupar em ficar pesquisando por aí, a gente listou e respondeu as principais perguntas sobre este assunto, assim você tira suas dúvidas e fica por dentro de todas as mudanças. Bora conferir?

Por que a placa Mercosul foi criada?

Este tipo de placa foi criado para padronizar a identificação de todos os veículos dos países do Mercosul, seguindo um modelo já usado na Europa. Como as combinações dos números da placa antiga (cinza) estão acabando, essa foi uma alternativa encontrada, já que, o novo modelo possibilita um pouco mais de 455 milhões de combinações diferentes, 160% mais que o modelo anterior. Além disso, a nova placa facilita a identificação dos nossos veículos em outros países, é mais segura e mantém uma padronização.

O que mudou na placa?

A ordem dos dados de identificação foi alterada, agora segue uma sequência de três letras, um número, uma letra e dois números. Com o objetivo de dificultar uma possível alteração, uma das preocupações foi manter a padronização da fonte e medida de espaçamento entre elas, além disso, cada uma receberá uma cor diferenciada, de acordo com o uso do veículo: placas com as letras preta para carros particulares, na cor vermelha para os comerciais, a cor azul identifica carros oficiais e de representação, dourada para diplomacias e consulados, cinza prata para automóvel de colecionadores e a cor verde para os veículos especiais.
Já o antigo lacre foi substituído por um código de barras dinâmico do tipo Quick Response Code (QR Code), que ajudará na identificação dos dados do veículo, por meio do aplicativo gratuito Vio. Todas as placas serão fabricadas com o logotipo do Mercosul e bandeira do Brasil, sem a identificação do município e Estado.

imagens ilustrativas das novas placas mercosul total de seis placas em cada placa tem o logotipo do mercosul na area superior esqueda ao meio o nome brasil e no lado direito a bandeira do brasil abaixo tem um codigo qr code abaixo dele a sigla br e como detaque tomando o restante da placa a sequencia de informacoes abc1c34 para cada placa essa sequencia de informacoes vem com uma cor diferente e um alegenda abaixo preta particular vermelha comercial aluguel e aprendizagem azul oficial e representacao dourada diplomatico consular cinza prata colecionador verde especial experiencia fabricante de veiculo pecas e implementos
Cor dos caracteres alfanuméricos do novo modelo de placas (Fonte: DETRAN/SP)

Minha placa é antiga, preciso trocar?

Não se preocupe! Se a sua placa é antiga você pode continuar usando-a normalmente, por tempo indeterminado. Mas é importante que saiba que este modelo parou de ser fabricado no início de 2020, então, a substituição pelo modelo novo será obrigatória nos seguintes casos:

  • Registro de veículo 0 km;
  • Mudança de categoria do veículo;
  • Em caso de furto, extravio, roubo ou dano na placa (inclusive dano à tarjeta e rompimento do lacre da placa traseira padrão cinza);
  • Mudança de município ou de Estado;
  • Quando o veículo for reprovado em vistoria veicular nos procedimentos de transferência com observações sobre a placa e/ou lacre (exemplo: placa não refletiva);
  • Necessidade de instalação de placa adicional traseira.
duas maos de uma pessoa retirado a placa antiga de um veiculo a placa tem as informacoes ba salvador okp5103

Agora, se você prefere se adiantar ou quer mudar um pouco o visual do seu carro, poderá fazer a troca da placa sem problemas. Neste caso, é preciso fazer a vistoria veicular e emissão de um novo documento do veículo (CRV), para cada processo será cobrado um valor diferente, de acordo com o seu Estado.

Como ficará minha nova placa?

O novo emplacamento seguirá o padrão de uma tabela equiparativa para substituir o antepenúltimo número da placa antiga por uma letra na placa nova. Esta tabela relaciona os números de 0 a 9 e compara-os com a sequência do alfabeto da letra A à J. Assim, a placa antiga, antes com três letras e 4 números, será substituída por uma placa nova com quatro letras e três números. Veja abaixo o exemplo:

ao lado esquerdo tabela equiparativa com duas colunas primeira coluna com titulo placa antiga com os numeros um abaixo do outro de zero ate nove na outra coluna o titulo nova placa com as letras uma abaixo da outra de a ate j na parte superior direita uma explicacao exemplo a placa anterior abc1234 sera substituida pela nova placa com o padrao alfanumerico abc1c34 abaixo tem duas ilustracoes deste exemplo com a placa antiga e logo abaixo a placa nova detacando a alteracao do numero 2 pela letra c
Tabela de conversão dos caracteres alfanuméricos do novo modelo de placas
(Fonte: DETRAN/SP)

Quanto custa uma placa nova?

O valor da nova placa Mercosul não será mais recolhido pelo Detran. Agora, empresas credenciadas poderão fabricar e colocar as placas nos veículos e os valores deverão ser pagos diretamente a elas. Como ainda não existe uma tabela de preços por parte do Governo Federal, os preços poderão variar, o ideal é que você procure por uma empresa com um valor mais em conta. No site do Detran do seu Estado você encontra a listagem dos locais credenciados. Lembrando que, as empresas estão autorizadas a fazerem o emplacamento fora do município em que atuam, isso no caso de você não encontrar um local no mesmo município onde o veículo foi comprado.